Manaus, 20 de setembro de 2020

Prosamim inicia nova fase de intervenção no Igarapé do 40

O Governo do Amazonas, por intermédio da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), iniciou, nesta semana, uma nova fase da obra de intervenção na margem esquerda do igarapé do 40, no trecho entre as avenidas Silves e Maués, nos bairros do Japiim e Cachoeirinha, respectivamente. A obra no igarapé do 40 é uma intervenção do […]
Postado em: 11 de setembro de 2020

O Governo do Amazonas, por intermédio da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), iniciou, nesta semana, uma nova fase da obra de intervenção na margem esquerda do igarapé do 40, no trecho entre as avenidas Silves e Maués, nos bairros do Japiim e Cachoeirinha, respectivamente.

A obra no igarapé do 40 é uma intervenção do Programa Social e Ambiental dos Igarapés de Manaus (Prosamim) e prevê a construção de uma via interligando as avenidas Silves e Maués, gerando uma nova alternativa para os motoristas que saem do Distrito Industrial à área central da cidade, através da Manaus Moderna.

Além de melhorias da mobilidade urbana, a obra irá contemplar a construção de espaços de convívio social e para práticas esportivas, recompor a flora local com plantio de mudas e paisagismo, construir academias ao ar livre, quadras multiuso e a revitalização do campo do Betaião.

“As obras do Prosamim nesse trecho do igarapé do 40 reiniciaram no mês de agosto e estavam paralisadas devido a cheia do rio, e hoje conforme o nível da água vai baixando e os reassentamentos avançam, vamos abrindo mais frentes de obras e avançando nas requalificações urbanísticas no local”, afirmou o subcoordenador de engenharia da UGPE, o engenheiro civil, João Benaion.

A frente cinco da intervenção, fica localizada na margem esquerda do igarapé do 40, onde as maquinas iniciaram a troca de solo do local, retirando o material impróprio, composto por lama, areia e lixo acumulado no leito do igarapé, e colocando um novo solo, apto a receber os serviços de terraplanagem e toda estrutura.

Reassentamentos – A estimativa para a intervenção do trecho entre as avenidas Silves e Maués é de que mais de 1370 imóveis sejam retirados do leito do igarapé, correspondendo a mais de 6 mil pessoas reassentadas, sendo historicamente a intervenção que mais vai retirar imóveis e reassentar famílias em áreas seguras dentro das obras previstas em todas as fases do Prosamim.

“O Governador Wilson Lima por intermédio de todas as secretarias do Governo do Estado vem priorizando as intervenções do Prosamim desde o início de sua gestão. Através da forças-tarefas e esforços em conjunto dos órgãos envolvidos, estamos avançando nos reassentamentos e na execução de obras, garantindo uma mudança de vida para mais de 6 mil pessoas”, afirmou o coordenador executivo da UGPE, engenheiro civil Marcellus Campêlo.

Fotos: Divulgação/UGPE-Prosamim.

Copy link